Início » Incubadoras / Aceleradoras » Guia 2.5, o manual dos negócios de impacto!

Guia 2.5, o manual dos negócios de impacto!

Postado por Cécile Petitgand 17 de outubro de 2015 Deixe um comentário

guia-dois-e-meio-2-5

Se você quer entender melhor sobre as organizações de suporte a negócios de impacto e empreendedores sociais, não encontrará melhor referência hoje do que o Guia 2.5: Guia para o desenvolvimento de negócios de impacto, elaborado pelo Instituto Quintessa em colaboração com o Estúdio Umcomum e A PonteAponte.

No guia você encontrará informações sobre as seguintes organizações de apoio ao empreendedorismo social: Artemisia, Ashoka Brasil, Impact Hub, Instituto Quintessa, NESsT, Red Bull Amaphiko, Rede Papel Solidário, Sistema B, Social Good Brasil, Worth a Million et Yunus & Youth.

Você pode baixar o Guia 2.5 neste link.

 

Objetivo do Guia 2.5

O objetivo do Guia 2.5 é contribuir para o melhor direcionamento de empreendedores de negócios de impacto
às organizações que lhes oferecem suporte, fazendo com que tomem decisões mais qualificadas e tenham
mais fácil acesso ao auxílio de que necessitam.

Além disso, o levantamento tem como objetivo trazer clareza sobre os tipos de suporte que cada ator do setor 2.5 oferece e seus diferenciais.

Negócios de impacto

Negócios de impacto são “empreendimentos que têm a missão explícita de gerar impacto socioambiental ao
mesmo tempo em que geram resultado financeiro positivo de forma sustentável” (Carta de Princípios para Negócios
de Impacto no Brasil).

Fala-se também em “Setor 2.5”, uma referência ao que seria uma união entre características do segundo setor,
de empresas privadas e marcado pelo foco em retornofinanceiro, e do terceiro setor, de organizações sem fins lucrativos e marcado pelo foco em geração de impacto socioambiental.

Sobre Cécile Petitgand

Cécile Petitgand
Doutoranda em administração na Universidade Paris-Dauphine e na USP, sou apaixonada pelas inovações desenvolvidas pelas organizações que pretendem usar os mecanismos de mercado para resolver grandes problemas sociais e ambientais. Acredito no poder de mudança do empreendedorismo e no grande potencial das novas redes de comunicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *